quarta-feira, 28 de julho de 2010

FERREIRA - Pernambuco

DESCENDÊNCIA
Pais de Félix Francisco Ferreira Forte
Avós de Maria Francisca Romana
Bisavós de Maria Isabel Galhardo
Terceiros Avós de Maria Joana Galhardo das Neves
Quartos Avós de América Borges Monteiro
Quintos Avós de Zélia Borges de Gouvêa
Sextos Avós de Maria Stella de Gouvêa Nunes
Sétimos Avós de Anamaria Nunes Vieira Ferreira

1. MANOEL FERREIRA. Nascido por volta de 1740, em Portugal, talvez.


Prova Documental:
Certidão de Casamento do seu filho:

Certidão de Casamento
Em 2/02/1780, na freguesia de S. Paulo
Ele, filho de Manuel Ferreira e de Anna Maria, natural da freguesia de Sâo Pedro Gonçalves do Corpo Santo, Recife de Pernambuco. Ela, filha de Joaquim Alves e de Joaquina Maria, natural da freguesia de São Miguel de Alfama, Lisboa.

O 3º Conde e a Condessa de Povolide foram padrinhos de casamento de seu filho Félix Francisco Ferreira Fortes. É possível que o elo seja Manuel Ferreira, Abade de Povolide.

Considerando que a sua neta Maria Francisca Romana foi batizada na Capela Real pela Rainha Dona Maria I e pelo Príncipe Dom João VI, acreditamos que a origem dos “Fortes” esteja na Casa Real.
Anotamos o registro para futuras investigações:
Francisco Fortes de Ornelas
Núcleo: Matrícula de Moradores da Casa Real - Data: 30 de Abril de 1655 - Livro: 5 Folio: 502 - Descrição: Alvará a Francisco Fortes de Ornelas, natural das Caldas da Rainha, filho de António de Freitas Machado, dos foros de escudeiro-fidalgo e cavaleiro-fidalgo com 750 réis de moradia por mês e. 1 alqueire de cevada por dia, pelos serviços prestados na armada, Alentejo e Cascais
Etombo
Ferreira de Azevedo: Houve o casamento de um Manuel Ferreira de Azevedo com uma Ana Maria dos Reis, no nordeste, mas não conseguimos caminhar.

Homônimo: Pela mesma época de sua vida havia um do mesmo nome em São Paulo:
Actas da Camara da Villa de S. Paulo. - Página 106 - de Câmara Municipal, Arquivo Municipal, São Paulo (Brazil) – 1950... Severino Belmonte, Manoel Ferreira Forte e Fermino Antonio de Souza, perante o Tribunal do Jury; é de parecer que conforme a informação do Contador...

O Sobrenome: Existe ainda hoje em diversos lugares do Brasil, Madeira e Portugal.

Na África: É absolutamente forte em Angola ainda hoje. Não podemos esquecer que o filho do casal Francisco Félix Ferreira Fortes era Tenente do Mar e serviu em Luanda, onde faleceu.

Casado, por volta de 1760, com ANA MARIA. Nascida por volta de 1740.

A coincidência dos nomes e do lugar nos deixa bem curiosos, embora a data do casamento difira em mais de 50 anos, contudo existe a possibilidade de erro de leitura, o que não é muito provável considerando o autor da informação:
Ana Maria, natural de Pernambuco, filha de Antonio Fernandes da Paz e de Ana Maria, partiu para Lisboa, estabelecendo-se na freguesia de Santa Catarina, onde casou a 23.04.1707 com Manuel Ferreira, natural de Torres Novas.

Pernambucanos Perdidos em Portugal
Carlos Eduardo Barata - Colégio Brasileiro de Genealogia
... Disse também que vieram de Goyanna mais 100 homens, sem armas. Elle viera de Porto Calvo com Souto e estivera em caminho bem um mez, vindo pelos engenhos de Cockau, de Vicente Campello, de de Antonio Fernandes da Paz e assim por diante. ...

Annaes da Bibliotheca Nacional do Rio de Janeiro, Volumes 40-42‎ - Página 164
Biblioteca Nacional (Brazil) - 1923

Origem da Família Fortes:
Historicamente o brasão faz parte da família de Fermo, Itália. Veio inicialmente para França e posteriormente para Portugal, Emanuelle Forti, homem da mais alta linhagem da nobreza italiana. Tendo construído um castelo no Valle da Figueira, nas margens do Rio Tejo, inicialmente denominado Castelli Di Forti e mais tarde, com senhorio de seus descendentes portugueses passou a ser denominado Castelo dos Fortes. O terceiro senhor da casa dos fortes, Lourenço Marques Fortes, embaixador do Reino de Portugal à Santa Sé, as Cortes Européias teve confirmado o Brasão de armas paterno vindo de sua nobreza italiana
Luiz Orlando D. Martins Filho
Os Fortes
Por não encontrarmos qualquer referência à origem do apelido “Ferreira Fortes”, e por sabermos a dificuldade que é pesquisar os Ferreira espalhados por toda Portugal e Madeira, tentamos descobrir alguma coisa pelos Forte. Há indícios de que a nossa família fosse ligada aos “Oliveira Fortes” e “Sá Fortes Bustamante”, espalhados nos idos de 1780 em Pernambuco, Piauí e Minas Gerais, mas são apenas indícios pela presença de muitos "Ferreira Fortes" em Minas Gerais ligados a essas famílias.

Foram Pais de:

1.1 Félix Francisco Ferreira Fortes, que segue.

1.2 Joaquim Ferreira Fortes. Na dúvida. Dono de Loja na Rua da Cruz do Recife, 58 (Diário de Pernambuco: Quinta-feira, 31 de março de 1859. Dentista e sangrador - Joaquim Bonifacio Moreira de Faria faz ciente ao respeitável público, que se acha pronto a exercer a sua profissão como seja em tirar dentes, a limpar e chumbar, abri-los juntamente, tem bâlsamo para dissipar as dores de dentes, também sangra e aplica ventosas, para cujo fim pode ser procurado na Rua da Cruz do Recife nº 58, loja de Joaquim Ferreira Fortes). Casado, em Pena, Lisboa, com Rita Guilhermina da Piedade (Núcleo: Paroquiais: Arquivo: Lisboa. Tipo de Registo: Casamento // Local: Lisboa, Pena. Data: 0. Livro: 21-C Folha: 116 v. Homem: Joaquim Ferreira Fortes. Mulher: Rita Guilhermina da Piedade – Etombo)

1.3 João Ferreira Forte. Na dúvida. Padre Secular. Em 16 de Agosto de 1805 – ou antes – fez requerimento: REQUERIMENTO do padre secular João Ferreira Forte ao [príncipe regente, D. João], a pedir licença para se recolher ao Ceará, indo por Pernambuco (Arquivo Ultramarino - Documento 50093) O Rvd. João Ferreira Fortes, de 24 annos de idade. O Rev. José da Costa Correia Montes Bulhões...(Documentação primordial sobre a capitania autônoma do Ceará‎ - José de Almeida Machado, Luiz Barba Alardo de Menezes, Antonio Jozé da Silva Paulet – Pág. 197)
1.4 Vicente Ferreira Forte. Na dúvida. Vereador em 1782. (... que os Camaristas Domingos Roiz da Cunha, Antonio de Sousa Uchoa, Bernardo de Mello Uchoa, Vicente Ferreira Forte e Luiz Barbosa de Amorim agrade- cem á ... - Notas para a historia do Ceara: (segunda metade do seculo XVIII) de Guilherme Studart, Barão de Guilherme Studart Studart - Ceará (Brazil : State) – 1892) // (... António da Costa Gadelha 112 — Miguel Venceslau Cidade 113 — José Teixeira - Bastos 114 — Vicente Ferreira Forte 115 — Vicente Ferreira Mendes Pereira - Fatos e Documentos do Ceará Provincial de José Aurélio Saraiva Câmara – 1970). Em 1785 era Vereador do Conselho do Senado da Capitania do Ceará (A Câmara da Vila de N. Sra. da Assunção do Ceará Grande - Apontamentos por Eduardo Peixoto). Em 1809 era Deputado e Escrivão na Vila de N. Sra. da Assunção do Ceará (A Câmara da Vila de N. Sra. da Assunção do Ceará Grande - Apontamentos por Eduardo Peixoto). Almoxarife da Real Fazenda da Capitania do Ceará: ... Diz o ajudante Vicente Ferreira Forte, Almoxarife da Real Fazenda desta Capitania, e morador nesta vila da Fortaleza, que elle necessita para criação de seus gados, e fabrica suas agriculturas de terras para isso aptas e sufficientes, e como pelo Rio do coco abaixo deste termo se achão terras devolutas e desapropriadas... (Datas de Sesmarias, Volumes 6-8‎ - Página 26 - Ceará, (Brazil : State). Secretaria do Interior e da Justiça - 1925 - Almoxarife nos Arinos... )// Substitui ao Vicente Ferreira Forte que havia sido Almoxarife nos arinos - Posse de Vicente Ferreira Forte como...(Revista trimensal do Instituto do Ceará - de Instituto do Ceará - Ceará (Brazil : State - 1932 - Página 357).
Casado com Dona Luzia Gomes do Espírito Santo (Índice Famílias Cearenses)

1.5 Manoel Ferreira Forte. Na dúvida. Em 1845 há um Manuel Ferreira Forte lecionando no Ceará, no Soure (Almanak do Ceará – 1845)

1.6 Elário Ferreira Fortes. Na dúvida. Capitão da 3ª Companhia. 3ª Companhia: Capitão – O Sr. Tenente Elário Ferreira Fortes. Tenente— O S°r. Alferes Manoel Pinto d' Aguiar Alferes — O 1° Sarg°. Silverio Pereira Lopes 4". Companhia Capitão — O S" Tenente Ajud... Guerra dos farrapos: ordens do dia do general barão de Caxias (1842-1845).‎ Luís Alves de Lima e Silva Caxias, Brazil. Exército, Biblioteca Nacional (Brazil), Rio Grande do Sul (Brazil). Biblioteca - 1943 - 430 páginas

1.7 José Francisco Forte. Na dúvida. Capitão. (Datas e factos para a história do Ceará: v. Ceará Colonia‎ - Página 386 - de Guilherme Studart Studart – 1973 - ... Vicente Ferreira Forte, capitão José Francisco Forte). Procurador do Conselho do Senado da Capitania do Ceará, em 1785 (A Câmara da Vila de N. Sra. da Assunção do Ceará Grande - Apontamentos por Eduardo Peixoto). Tesoureiro da Câmara: Datas e factos para a história do Ceará: v. Ceará Colonia‎ - Página 386 de Guilherme Studart Studart – 1973: ... da Camará — Capitão José Francisco Forte. Porteiro do auditório — José C. de Souza, substituído a 7 de Maio por Francisco da Silva Dias...

1.8 Luis Ferreira Fortes. Na dúvida. Era Cabo (História política de Sergipe: do golpe de 15-11-1889 ao golpe de 31-3-1964‎ - Página 98 - Ariosvaldo Figueiredo – 1986 Sargento Aristides Cabral, cabos Raimundo Peixoto de Oliveira, Marcelino Rocha, Luiz Ferreira Fortes, Júlio Leite da Silva e Miguel Prates de Araujo todos ...)

1.9 Francisco de Paula Ferreira Fortes. Na dúvida. General de Brigada (Revista da Sociedad Brasileira de Geografia‎ - Página 46 Sociedade Brasileira de Geografia, Sociedade de Geografia do Rio de Janeiro – 1932: ... Comandante das armas da Província de Mato-Grosso, empossou o primeiro comandante deste destacamento, 1° Tenente Francisco de Paula Ferreira Fortes...)

2. FELIX FRANCISCO FERREIRA FORTES casado com ANTONIA JOAQUINA ROSA, Patriarcas da Família Ferreira Fortes.

Nenhum comentário:

Postar um comentário